Rússia de Akinfeev se defende bem e elimina a Espanha nos pênaltis

0
53

A forte seleção da Espanha tocou, tocou e até conseguiu chutar ao gol da Rússia eventualmente. Mas os donos da casa foram mais efetivos e aguerridos, seguraram o empate em 1 a 1 e eliminaram La Roja nos pênaltis (por 4 a 3), para o delírio dos torcedores russos que lotaram o Estádio Lujniki, em Moscou, que será palco da final do mundial.

Desacreditada antes do mundial, mas agora classificada para as quartas de final, a Rússia do goleiro Igor Akinfeev aguarda a vencedora entre Dinamarca e Cróacia, que se enfrentam ainda neste domingo, às 15h (de Brasília). Já a Espanha volta para casa na segunda Copa em que decepciona após seu único título em 2010 – no Brasil, em 2014, os ibéricos foram eliminados ainda na fase de grupos.

O jogo não foi bonito e teve uma Espanha esforçada, mas sem efetividade, tocando muito a bola no meio de campo, porém sem conseguir furar a linha de cinco defensores russos – mais o resto do time, que apostou no contra-ataque e chegou a ameaçar neste quesito. O time da casa segurou bem o jogo e contou com o brilho do goleiro do CSKA Moscow, que defendeu dois pênaltis, para chegar mais longe do que imaginava na Copa que sedia.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here